top of page

Alerta global chama a atenção para o papel do trabalho na saúde mental

A Importância da Saúde Mental no desenvolvimento de pessoas, corporações e sociedades.


Estima-se que a economia mundial tenha perdas de quase 1 trilhão anualmente devido à depressão e à ansiedade. Esses dados foram divulgados no relatório Diretrizes sobre Saúde Mental no Trabalho, publicado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em setembro de 2022, reforçando a necessidade de ampliar o debate sobre o assunto. No mesmo período, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) emitiu uma nota conjunta com a OMS, explicando as novas diretrizes e oferecendo estratégias práticas para governos, empregadores, trabalhadores e suas organizações nos setores público e privado.


Um dos problemas que afetam a saúde mental dos trabalhadores é a síndrome de burnout, também conhecida como síndrome do esgotamento profissional. O Ministério da Saúde (MS) descreve essa condição como um distúrbio emocional caracterizado por exaustão extrema, estresse e esgotamento físico resultante de situações de trabalho desgastantes, que envolvem muita competitividade ou responsabilidade. Segundo o MS, a principal causa dessa doença é o excesso de trabalho. E desde janeiro de 2022, o burnout é considerado uma doença ocupacional, tendo sido incluído na Classificação Internacional de Doenças (CID) da OMS.

O problema pode ser identificado por elementos centrais, como exaustão emocional e sentimento de desgaste, conhecido como despersonalização. A pessoa afetada pode perder o prazer em seu trabalho e se tornar alheia às suas responsabilidades. Além disso, ocorre uma diminuição do envolvimento pessoal com o trabalho, acompanhada por uma sensação de diminuição de competência e sucesso. E a pessoa afetada pode sentir que não é mais capaz de lidar com as demandas do trabalho, o que a distancia cada vez mais dele.




Esses dados e informações reforçam a importância de se priorizar a saúde mental no desenvolvimento das pessoas em sociedade. A saúde mental afeta diretamente a produtividade, a qualidade de vida e o bem-estar dos indivíduos. Portanto, é fundamental que governos, empregadores e a sociedade em geral invistam em medidas que promovam um ambiente de trabalho saudável, suporte emocional adequado e acesso a tratamentos e serviços de saúde mental.

Além disso, é essencial combater o estigma associado às doenças mentais, incentivando um diálogo aberto e compassivo sobre o tema. A conscientização e a educação são fundamentais para que as pessoas compreendam melhor as questões relacionadas à saúde mental e ofereçam apoio às pessoas que estão passando por dificuldades.

Em resumo, é preciso reconhecer e tratar adequadamente os transtornos mentais, promover um ambiente de trabalho saudável e combater o estigma associado à saúde mental. Somente assim poderemos construir uma sociedade mais produtiva, equilibrada e solidária.



[]



Saiba mais sobre Plataforma de Yoga Online: www.plataformadeyoga.com.br


Saiba mais sobre cursos de formação de instrutores e aprofundamento em Yoga: www.singularyoga.com.br

Comments


bottom of page